Miércoles, 14 de Noviembre de 2018

Inglaterra repete o mantra após derrota na semifinal

BrasilO Globo, Brasil 13 de noviembre de 2018

Moscou "Make England proud again" ("Faça a Inglaterra ter orgulho novamente"), ...

Moscou "Make England proud again" ("Faça a Inglaterra ter orgulho novamente"), frase que soa como slogan de campanha de Donald Trump, foi o mantra repetido pelos jogadores da Inglaterra após a derrota de virada para a Croácia. Apesar da eliminação no último jogo antes de chegar à decisão, o capitão Harry Kane preferiu exaltar a campanha inglesa, que empolgou os torcedores no país.
Ao fim da partida, os jogadores e o técnico Gareth Southgate foram aplaudidos por alguns minutos, dentro de campo, pelos torcedores ingleses nas arquibancadas. A Inglaterra não chegava a uma semifinal de Copa desde 1990. Antes disso, foi tão longe apenas em 1966, em casa, quando se sagrou campeã.
" Chegar tão perto da final e não conseguir é algo que vai doer na gente por algum tempo. Mas construímos um trabalho incrível nos últimos dois anos. Fizemos o país ter orgulho novamente, e isso é algo enorme para nós " disse Kane, que ainda é o artilheiro da Copa, com seis gols.
O zagueiro reserva Gary Cahill, um dos mais experientes do time inglês, repetiu o bordão do capitão Kane. Cahill, de 32 anos, admitiu que a derrota é difícil de ser engolida, mas lembrou que a seleção inglesa está em desenvolvimento " com média de idade de 26 anos, era o segundo elenco mais jovem desta Copa, atrás apenas da Nigéria. Para o zagueiro, o futuro pode reservar feitos maiores.
" Acho que é óbvio para os jogadores que devemos sentir orgulho de nós mesmos. Fizemos a nação feliz de novo " exaltou Cahill. " Se continuarmos mantendo o time crescendo como tenho visto, creio que não vai demorar muito para alcançarmos algo maior. (B.M. e T.M.)