Miércoles, 19 de Septiembre de 2018

Vasco chega para clássico na zona de rebaixamento

BrasilO Globo, Brasil 19 de septiembre de 2018

O elenco vascaíno chegou ontem a Brasília para o clássico de amanhã contra o Flamengo com um ...

O elenco vascaíno chegou ontem a Brasília para o clássico de amanhã contra o Flamengo com um enorme peso nas costas. São quatro derrotas desde que Alberto Valentim assumiu, protestos em série e a saída de Wagner pela Justiça. Ontem à noite, mesmo sem entrar em campo, o time teve outra notícia negativa: a vitória da Chapecoense por 2 a 1 sobre o Atlético-PR colocou o Vasco na zona de rebaixamento pela primeira vez no campeonato.
Na Arena Condá, a vitória do time catarinense aconteceu de forma dramática, de virada e sob chuva. Depois de o Atlético-PR sair na frente com Pablo, a Chapecoense empatou com gol contra de Bruno Guimarães aos 32 e virou com gol de Leandro Pereira, aos 42 da segunda etapa.
Com a vitória na partida adiada da 20ª rodada, o time de Chapecó chegou aos 25 pontos e pulou da 19ª para a 16ª posição. A mudança empurrou o Vasco, com 24 pontos, para 17º. O time de Valentim tem uma partida a menos do que o restante das equipes, já que o jogo contra o Santos, fora, foi adiado.
O Vasco tentará deixar a zona da degola em um clássico contra o Flamengo que terá casa cheia amanhã, no Mané Garrincha. Até ontem, mais de 40 mil ingressos haviam sido vendidos. O elenco vascaíno chegou ontem a Brasília, sem protestos no aeroporto.
" É o momento de dar a volta por cima. Nada melhor que um clássico para dar impulso à equipe. Esse é um jogo fundamental " afirmou o zagueiro Leandro Castán que, recuperado de lesão no ombro direito e na mão esquerda, retorna ao time.
Morre Isaque Souza
Jogador da base que tinha o tratamento acompanhado pela torcida vascaína, Isaque Souza, de 14 anos, morreu ontem após passar mal em casa e ser internado no Instituto Nacional do Câncer (Inca). Atleta da equipe sub-14, ele lutava contra um câncer ósseo diagnosticado em julho passado. Ontem, antes de treino realizado no estádio Bezerrão, em Brasília, o time principal do Vasco se abraçou e fez um minuto de silêncio.
Nas redes sociais, o clube se solidarizou com a família, assim como Flamengo e Fluminense. Em julho, vários jogadores mandaram mensagem a Isaque, como Daniel Alves e Felipe Melo.