Sábado, 11 de Julio de 2020

Tcu: auxílio emergencial de 620 mil é irregular

BrasilO Globo, Brasil 11 de julio de 2020

Um relatório do Tribunal de Contas da União (TCU) identificou 620.299 pessoas recebendo auxílio ...

Um relatório do Tribunal de Contas da União (TCU) identificou 620.299 pessoas recebendo auxílio emergencial de R$ 600 sem direito ao benefício, de acordo com os critérios estabelecidos pelo governo, revelou ontem o "Fantástico", da TV Globo.
O auxílio foi criado para amenizar a perda de renda de trabalhadores informais provocada pela pandemia. O governo irá pagar mais de R$ 150 bilhões a mais de 50 milhões de pessoas. O relatório do TCU, produzido pelo órgão sobre fraudes no programa, mostra que habilitados têm renda e patrimônio incompatíveis com os critérios. Só podem receber o benefício quem tem renda familiar de até R$ 3.135 ou individual de R$ 522,50.
O relatório mostra que, entre os beneficiários, 235.572 empresários declararam renda acima do limite definido no programa.
Estão na lista 134.262 servidores públicos ou pensionistas de governos federal, estaduais ou municipais, o que evidencia falhas graves no cruzamento de dados.
O TCU também encontrou políticos de pequenas cidades e seus parentes na lista de beneficiários. Além disso, a apuração identificou 17.084 mortos que tiveram depósitos feitos na própria conta.
Segundo autoridades ouvidas pelo "Fantástico", pessoas tiveram o nome cadastrado por outra pessoa, sem saber, diante dos poucos dados solicitados para cadastro.
No caso de irregularidades, a pessoa deve procurar o governo para a devolução. Mas a grande maioria dos casos é de fraude, o que envolve crime com uso de informação falsa.