Sábado, 20 de Abril de 2024

Accor anuncia crescimento de sua rede no brasil

BrasilO Globo, Brasil 24 de febrero de 2024

A Accor, maior operadora de hotéis no Brasil, pretende chegar à marca de 600 ...

A Accor, maior operadora de hotéis no Brasil, pretende chegar à marca de 600 empreendimentos nas Américas até 2027, sendo 60% no Brasil. Apenas no Estado do Rio, a rede conta com 38 hotéis e, em 2025, deve ganhar mais uma unidade do Ibis Styles (categoria superior da marca Ibis) em Teresópolis, na Região Serrana, revelou ontem a rede.
Nas Américas, a Accor conta com 455 hotéis, dos quais a maioria (332) está no Brasil e o restante dividido em outros países. Dos novos empreendimentos, metade (cerca de 70) será no Brasil, e os demais serão espalhados pela região, com destaque para Colômbia, Peru, Argentina e Chile.
A proposta é que, dos novos 145 hotéis, 50% sejam de categoria econômica. Outros 30% serão de médio padrão (midscale), e 20%, premium.
receita cresce 20%, a € 5 bi
A Accor também divulgou ontem seus resultados globais para o ano passado. A receita cresceu 20% na comparação anual, para € 5,056 bilhões (cerca de R$ 27,3 bilhões). Além disso, a geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros e impostos) chegou a nível recorde, ultrapassando a casa do bilhão pela primeira vez e crescendo 4% na comparação com o ano anterior, para € 1,003 bilhão (R$ 5,43 bilhões).
Thomas Dubaere, CEO Accor Américas na divisão Premium, Midscale & Economy (PM&E), afirma que três categorias impulsionaram o crescimento no ano passado: o lazer, o segmento corporativo e o setor de eventos. Estas duas últimas, no entanto, ainda não voltaram ao nível de 2019.
" Graças ao lazer, atingimos esse resultado. Uma ambição que temos é crescer nas marcas premium. Vemos oportunidades de resort-hotéis e também combinação de hotéis e residências. Isso tudo faz parte da nossa estratégia de 600 hotéis nos próximos anos " disse Dubaere ao GLOBO.
Ele frisa que a estratégia não é estar em todos os países:
" É estar nos países onde, primeiro, há demanda doméstica, inter-regional e também internacional. A ideia não é entrar em um país com a ambição de ter três, quatro, cinco hotéis. É ter 25, 30.
Segundo Abel Castro, diretor de Desenvolvimento da Accor Américas na PM&E, a rede negocia novos empreendimentos para os próximos anos em municípios como Araxá (MG), Primavera do Leste (MT), Sorriso (MT), Caruaru (PE), Serra Talhada (PE) e Araguaína (TO).
" O que chamou a atenção no ano passado foi a importância dos destinos do agronegócio no nosso desenvolvimento " disse Castro. " Com o desenvolvimento do agro nos últimos anos, essas cidades cresceram, precisam de hotel, e a gente tem a marca perfeita para isso, da família Ibis.
Esta inclui Ibis, Ibis Styles e Ibis Budget. No Brasil, a Accor ainda opera as marcas Adagio, Mercure e Grand Mercure, Pullman e Novotel.
La Nación Argentina O Globo Brasil El Mercurio Chile
El Tiempo Colombia La Nación Costa Rica La Prensa Gráfica El Salvador
El Universal México El Comercio Perú El Nuevo Dia Puerto Rico
Listin Diario República
Dominicana
El País Uruguay El Nacional Venezuela