Domingo, 29 de Noviembre de 2020

Google, facebook e amazon lucram mais no 3º tri

BrasilO Globo, Brasil 29 de noviembre de 2020

Três das quatro gigantes de tecnologia dos EUA tiveram resultados acima das estimativas de Wall ...

Três das quatro gigantes de tecnologia dos EUA tiveram resultados acima das estimativas de Wall Street no terceiro trimestre de um ano complicado pela pandemia. Google, Facebook e Amazon viram crescimento nos lucros, mas o da Apple caiu com a venda fraca de iPhones.
O lucro da Alphabet, dona do Google, foi de US$ 11,2 bilhões " US$ 3,6 bilhões a mais que a estimativa de US$ 7,698 bilhões.
O negócio de anúncios do Google foi responsável por 80% da receita de US$ 46,2 bilhões da Alphabet no terceiro trimestre. O predomínio da gigante está na origem do processo movido pelo Departamento de Justiça dos EUA por práticas anticoncorrência.
As ações da Alphabet subiram 7,8%, a US$ 1.690.
A receita trimestral do Facebook também superou as estimativas dos analistas, à medida que mais empresas usaram suas ferramentas de publicidade com o aumento no tráfego on-line na pandemia.
O lucro líquido foi de US$ 7,85 bilhões, frente a US$ 6,09 bilhões um ano antes.
A receita total, que consiste principalmente em vendas de anúncios, subiu para US$ 21,47 bilhões no terceiro trimestre, superando as estimativas dos analistas, de US$ 19,82 bilhões. Os usuários ativos mensais subiram para 2,74 bilhões, pouco acima das estimativas, de 2,70 bilhões. As ações subiram 4,9% no after market (negociação após o fechamento das Bolsas).
A receita cresceu apesar do boicote feito em julho por grandes anunciantes, incluindo Unilever, Starbucks e Coca-Cola, pressionando a empresa a tomar mais medidas contra discursos de ódio.
Já a Amazon continuou colhendo ganhos com o aumento das compras on-line durante a pandemia. As vendas líquidas aumentaram 37%, para US$ 96,15 bilhões, no terceiro trimestre, ante US$ 69,98 bilhões um ano antes.
O lucro líquido aumentou mais de US$ 2 bilhões, para US$ 6,3 bilhões no período. A Amazon informou que projeta vendas entre US$ 112 bilhões e US$ 121 bilhões no trimestre corrente.
A Apple, porém, foi prejudicada pela queda na venda de seus iPhones, o que fez suas ações caírem 5,13%.
A receita foi de US$ 64,7 bilhões, contra estimativas dos analistas de US$ 63,7 bilhões. Mas o lucro caiu US$ 1 bilhão frente a 2019 " de US$ 13,6 bilhões para US$ 12,6 bilhões no trimestre.
As vendas de iPhones caíram 20,7%, para US$ 26,4 bilhões, acima das projeções de analistas, de 16,2%. Só na China, a queda foi de 29%, para US$ 7,9 bilhões.